Os poderes do gelo no seu corpo

Você sabia que o gelo pode ajudar na recuperação muscular e na prevenção de dores?

por Everson Alves

Você mergulharia em uma banheira de gelo para melhorar ou prevenir alguma dor muscular? Hoje em dia essa é uma das técnicas usada pelos atletas para aumentar a amplitude de movimento, diminuir a tensão muscular, relaxar, diminuir a dor, melhorar a circulação, bem como incrementar a força e a resistência muscular, além de equilibrar e reduzir o tônus muscular.

A primeira modalidade a usar o banho de gelo foi o atletismo, mas hoje muito outros atletas já entraram ‘numa fria’, até a equipe de futebol feminino usa essa técnica. As técnicas de aplicações de frio são usadas há muito tempo. Antes de Cristo já utilizavam o gelo para tratar de problemas médicos. No século XIX, a compressa fria começou a ser usada no pós-cirúrgico. E hoje já se conhece os efeitos desta aplicação.

Aplicação de gelo na canela para prevenção de lesões. (mattfred/flickr)

Aplicação de gelo na canela para prevenção de lesões. (mattfred/flickr)

Os atletas costumam fazer o banho de gelo sempre depois de uma atividade física, de três a cinco minutos quando a água esta a uma temperatura entre 1 e 5 graus.

É preciso tomar cuidado, pois quando aplicada nos pés, nas pontas dos dedos pode haver uma isquemia, sendo que a pessoa pode não sentir as pontas dos dedos, além de ter uma diminuição da circulação de sangue no local.

O banho é ideal para fraturas consolidadas ou em fase de consolidação, alterações posturais, pós-lesões traumáticas como entorses, luxações, subluxações, lesões impactantes, etc., além de pós-operatórios ósseos e articulares. Após atividade física prolongada e de esforço físico máximo. Isso tudo de acordo com cada pessoa. Não esqueça que o gelo pode ser lesivo para tecidos, quando usado incorretamente.

Seja o primeiro a comentar!

Participe, deixe um comentário: