Vinho tinto na alimentação saudável

O vinho tinto pode ser consumido no seu dia a dia.

por Everson Alves

Há milhares de anos as pessoas consomem vinho. Existe na literatura um deus chamado Deus do Baco, conhecido como deus do vinho. Segundo a lenda, Baco descobriu as vinhas e saiu pelo mundo ensinando a cuidar das videiras e mostrando a arte de fabricar o vinho. A bíblia explica que o vinho foi criado para a alegria do povo. Pois o vinho proporciona um bem estar para às pessoas que o consomem. O vinho também é considerado o sangue de Cristo durante um ritual da igreja católica.

Pesquisas mostram que o vinho faz bem ao coração, porque protege o organismo de doenças do coração. Existe uma grande variedade de vinhos, o mais indicado é o vinho tinto. Assim como o suco de berinjela com laranja, o vinho também ajuda no controle do colesterol. Ele ajuda a aumentar o colesterol bom (HDL).

Vinho tinto previne doenças cardíacas. (gutter/flickr)

Vinho tinto previne doenças cardíacas. (gutter/flickr)

Na França, a incidência de problemas cardiovasculares é bem menor. Os franceses bebem cerca de duas taças de vinho por dia. Pesquisas também mostram que quem bebe vinho tem o colesterol mais equilibrado.

O consumo de vinho, de forma moderada, reduz o risco de ataque cardíaco. É importante não esquecer que o excesso de álcool faz as pessoas mudarem de comportamento. E também é contra indicado para hipertensos, pois aumenta a pressão arterial, assim os médicos indicam suco de uva a pacientes hipertensos.

Muitos médicos são contra o consumo de vinho, pois dizem que fazendo exercícios, tendo uma alimentação equilibrada e mantendo um peso saudável não é preciso beber taças de vinho. Mas é sempre importante lembrar que outros médicos receitam apenas duas taças de vinho, uma quantia moderada que não faz mal algum.

Seja o primeiro a comentar!

Participe, deixe um comentário: