Você é sedentário? Saiba como começar a correr

O grande vilão da saúde em geral é a vida sedentária. A prática de exercício físico está associada com boa saúde e bem-estar.

por Everson Alves

Com o passar dos anos as pessoas se tornam cada vez mais sedentárias. As crianças estão acostumadas a fazer balé, futebol, vôlei, tênis, mas com os compromissos do dia a dia vão deixando suas atividades e se empenham apenas nos estudos e a partir daí começa o sedentarismo. Alguns adultos praticam algum esporte ou vão à academia, porém outras não fazem nada além de trabalhar ou estudar.

Os adultos têm o metabolismo mais lento, todo o organismo “sofre” com o envelhecimento. Os especialistas dizem que a prática de exercícios ajuda a rejuvenescer. A qualidade de vida das pessoas que praticam alguma atividade física é muito melhor. O sedentarismo acompanhado do fumo e de maus hábitos alimentares pode trazer problemas como hipertensão e derrames.

Homem ex-sedentário após perder peso. (rich115/flickr)

Homem ex-sedentário após perder peso. (rich115/flickr)

Ao analisar pessoas que praticam atividade física e pessoas sedentárias, é possível notar muita diferença. A conclusão tirada é que o sistema cardiovascular dos esportistas é muito melhor do que o dos sedentários.

O problema de algumas pessoas é escolher o melhor exercício. Cada pessoa gosta de um tipo de atividade. Mas os exercícios que mais ajudam a melhorar o condicionamento físico são os aeróbicos, como corrida, futebol, basquete e ciclismo, por exemplo.

A corrida tem sido muito eficaz no combate ao sedentarismo, não é a toa que o número de adeptos esta cada vez maior. Além de combater o sedentarismo, a corrida ainda previne doenças. A corrida reduz os riscos de doenças cardiovasculares, melhora o aparelho cardiorrespiratório, ajuda a emagrecer e mantém a pessoa bem humorada.

É recomendado pelos médicos que a prática de esporte seja feita pelo menos três vezes por semana, durante 20 minutos. No início, é importante intercalar um dia de atividade com um dia de descanso. No caso da corrida, é possível adaptar os treinamentos a rotina diária. Os corredores iniciantes não devem se importar com a velocidade. A velocidade da corrida só deve aumentar quando o corpo estiver preparado pra isso.

Antes dos treinos faça um aquecimento. E antes e depois de cada atividade alongue-se. E nunca se esqueça de procurar um médico antes de começar a atividade física, seja ela qual for.

Seja o primeiro a comentar!

Participe, deixe um comentário: